Arquivo da tag: pão sem sova

Pão de Amêndoas com Damasco

O pão de hoje foi de amêndoas com damasco!

Mais uma vez o método sem sova na Le Creuset não me traiu 🙂

Uma bela crosta caramelizada e crocante e um miolo elástico e saboroso!

Até agora o meu sabor preferido é o de figo seco com alecrim, mas esse estava incrível também. Tenho vontade de fazer um de chocolate amargo. Acho que vai ser o próximo…

Anúncios

Resultado do meu segundo pão sem sova

O meu segundo pão sem sova deu super certo de novo. Dessa vez fiz sem o papel manteiga.

Cresceu super bem de novo, aqui é depois de 30 minutos no forno com a tampa da panela fechada.

e aqui, depois de mais 15 minutos no forno, com a panela destampada para dar aquela cor a mais na crosta.

deixando esfriar um pouco antes de cortar. o ideal é deixar no mínimo 30 minutos, mas a ansiedade de ver como ficou por dentro, diminuiu esse tempo 😀

a parte de baixo também ficou com a crosta bem crocante.

Recebi uma dica de uma amiga para escovar a parte de baixo para tirar o excesso de farinha, antes de colocar a massa na panela. Tentei fazer isso, mas como a massa é muuuito molenga, não consegui segurar com uma mão e escovar com a outra. Por isso, ficou de novo com um pouco de excesso de farinha de novo. Menos do que a primeira vez, mas ainda ficou. Da próxima vez, vou colocar menos farinha no pano.

Tem refeição mais simples do que pão com sopa? Mas tem dias que essa simplicidade é a coisa que você mais quer! E foi perfeito nesse dia, uma sopa de verduras orgânicas com um pão com figo quentinho saído do forno! Isso foi meu jantar, porque eu assei esse pão à noite.

E na manhã seguinte, torrei o pão na grelha e ficou incrível 🙂

Chá de menta com pão de figo seco com um bom azeite extravirgem. Foi perfeito!

Bom, eu usei dessa vez uma farinha especial italiana orgânica 0 para pães chamado Molino d’Oro. Eu quis ver se a farinha realmente faz uma diferença. Senti que o pão ficou com uma crosta um pouquinho mais dura, bem pouquinho. Mas de resto, não senti muita diferença. O miolo ficou tão elástico quanto o primeiro. Talvez eu tenha que ter escolhido a farinha manitoba, dessa mesma linha. Vou experimentar quando o saco desta acabar.

Os ingredientes que usei:

Meu primeiro “no knead bread”

Desde a primeira vez que li em algum lugar na internet sobre fazer pão sem precisar sovar a massa, estou querendo testar. Eu nunca tive muito sucesso na fabricação de pães, não sei porque. Na verdade, eu tentei muito poucas vezes, mas o pão ficava denso demais. Pode ter sido excesso de sova.

Quando vi este post, eu falei, é esse. Guardei o link no meu Pinterest até que hoje finalmente fui comprar fermento e coloquei a mão na massa. Na verdade, nem sujei as mãos, porque segundo esse método, não precisa sovar nem tocar a massa com as mãos, basta uma mexidinha com uma espátula.

Se isso der certo, vai ser revolucionário! Foi só misturar os pouquíssimos ingredientes e agora esperar de 12 a 18 horas para assar.

Incrivelmente fácil.

Os ingredientes que usei:

Me deu muita vontade de incrementar com alguns sabores como castanhas, ervas ou até uma fruta seca, como a blogueira sugere como opção, mas resolvi fazer o básico primeiro pra ver se dá certo. Na verdade, queria ter feito só com farinha branca como diz no post, para fazer realmente igualzinho a receita básica dela, mas tive que misturar um pouco de farinha integral só porque a branca acabou antes de completar a quantidade indicada.

Amanhã de manhã às 08h00 eu já posso assar o meu bebê, não vejo a hora! Postarei amanhã o resultado.