a primavera chegou

Olha outro risotto aí! Quando tô sem tempo, é ele quem salva. Rápido e bom🙂

O de hoje foi com cenoura e alho poró. O alho poró foi colhido no domingo passado, no sítio da D. Edna. Tão bom! A cenoura é pra dar um gosto a mais, porque normalmente eu sempre deixo uns potes de caldo de legumes feito em casa congelados para poder usar a qualquer momento, mas últimamente não deu pra fazer. Então fiz ali na hora, enquanto picava os ingredientes do risotto, fervi (fogo beem baixo) as partes verdes do alho poró, 2 folhas de louro e orégano fresco, também do sítio. Pelo menos o aroma estava garantido. Como o caldo foi bem levinho, a cenoura entrou pra dar um gostinho a mais.

Mantecatura. É o estágio final do risotto. É aqui que o risotto adquire cremosidade. Normalmente teria que acrescentar manteiga e depois o parmesão. Mas eu sempre pulo a manteiga, a não ser que eu esteja fazendo o risotto para outras pessoas. Só pra mim, é sem manteiga. Só com o parmesão, já dá uma boa cremosidade. Sobretudo, não adicionar creme!! A cremosidade do risotto não se obtem com creme e sim com o amido do arroz específico (arborio, carnaroli ou vialone nano) e da mantecatura. Eu sempre faço essa etapa com o fogo desligado, só com o calor residual da panela.

Vai para o prato ainda al dente.

Primaveril né?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s